Efeitos em apenas 6 semanas: o alimento reconhecido por Harvard que retarda o envelhecimento

A cúrcuma é uma substância que contém múltiplas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes

Por Melanie Shulman

Link Original https://www.lanacion.com.ar/autor/melanie-shulman/

Na busca por um estilo de vida saudável, muitas pessoas optam por incorporar a cúrcuma em sua rotina. Victoria Beckham afirmou publicamente que a utiliza em sucos e como ingrediente em máscaras faciais para rejuvenescer a pele. Conhecida como “a especiaria milagrosa”, a cúrcuma está associada a uma variedade de benefícios para o organismo, especialmente na prevenção do envelhecimento. Embora seja uma condição natural inevitável, é possível enfrentá-la prestando atenção especial à alimentação, pois tudo o que é ingerido pode trazer bem-estar ou prejudicar o organismo.

A Universidade de Harvard classifica a cúrcuma como um alimento prodigioso para lidar com o processo de deterioração humano. Com um sabor picante e algo extravagante, pode ser utilizada fresca, inteira ou em pó. Segundo Robert H. Shmerling, em uma publicação no site Harvard Health Publishing, o consumo diário pode mostrar efeitos a partir da sexta semana.

Como consumir a cúrcuma?
Atualmente, a cúrcuma é consumida em cápsulas, comprimidos, extratos, pó ou como suplemento alimentar. Embora especialistas concordem que a melhor maneira de aproveitar suas propriedades seja através de chá ou suco, é fundamental uma orientação médica.

Um dos melhores companheiros da cúrcuma é o limão, pois ambos fornecem potássio, vitaminas C, E e K, sódio, cálcio, cobre, ferro, magnésio e zinco. Juntos, constituem um remédio caseiro para ser tomado de manhã, e aqui estão as razões.

Quais são as vantagens de consumir cúrcuma com limão?
A cúrcuma com suco de limão ajuda a desinflamar o estômago ao acordar, proporcionando uma sensação de leveza durante o restante do dia. Alguns acreditam que pode auxiliar na perda de peso, mas não há evidências científicas suficientes a respeito.

O que a cúrcuma e o limão fazem pela saúde digestiva é reduzir a presença de gases e alguns sintomas de síndrome do intestino irritável, como náuseas ou sensação de vômito.

Quais são os benefícios da cúrcuma?
Segundo especialistas de Harvard, essa especiaria aromática, que faz parte da família do gengibre, ajuda a prevenir o desgaste muscular, dores nos ossos e problemas de memória. Além disso, melhora a circulação sanguínea, diminui o colesterol ruim (LDL) e fortalece o sistema imunológico. Recentemente, tem se destacado como aliada da pele, atuando como cicatrizante e umectante.

Quais são as propriedades secretas da cúrcuma?
Segundo Silvina Tasat, licenciada em Nutrição, a cúrcuma é um polifenol natural, uma substância não energética com propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes para as membranas celulares. “Entre seus componentes, está a substância curcumina, essencial para manter o equilíbrio biológico, especialmente ao tratar dores e inflamações”.

Um estudo publicado na revista médica Trials, realizado com 139 pessoas com dores nas articulações e que necessitavam de tratamento médico com medicamentos, revelou que 94% dos pacientes que consumiram 500 miligramas de cúrcuma por um mês melhoraram em 50% suas dores, sem apresentar efeitos colaterais significativos, ao contrário dos que consumiram 50 miligramas de “diclofenaco” duas vezes ao dia.

No entanto, Tasat explica que o consumo deve ser moderado, não ultrapassando uma colher de chá, e sugere incorporá-lo a uma alimentação saudável e variada. Na culinária, há diversas opções para inovar e degustar, incorporando aos poucos esse produto uma pequena pitada em diferentes preparações, como em guisados, ou combinando em chás, sopas e até em águas saborizadas.

Além disso, há aproximadamente 4000 anos, a cúrcuma é um condimento indispensável na culinária asiática. Originária da Índia, é um ingrediente essencial para preparar os famosos currys, expandindo-se ao resto da Ásia, especialmente Sri Lanka e Indonésia. É a raiz de uma planta chamada “Zingiberáceas”, cultivada em zonas tropicais, e a América Latina também se destaca como produtora. Na Argentina, por exemplo, é cultivada em Misiones e comercializada para o restante do país.

No entanto, a especialista destaca que nenhum alimento possui poderes mágicos. “Embora haja produtos que, por suas características, auxiliem a manter a saúde em equilíbrio, a nutrição deve ser acompanhada por uma variedade de alimentos que fornecerão ao organismo tudo o que ele precisa”, conclui Tasat.

Turmeric Plus: Nutrição e Bem-Estar

(1 customer review)
R$25,00

Ações antioxidantes e anti-inflamatórios. Suporte imunológico e antienvelhecimento.

9 em estoque (pode ser encomendado)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.